Notícia diz que Dória assinou vacina contra o coronavírus em agosto de 2019

Doria já sabia da pandemia meses antes dela se alastrar pelo mundo, e mesmo assim teria autorizado a realização do carnaval na capital

0
38
João Dória,

Todo dia sai fake News envolvendo o coronavírus e a mais nova diz que o governador do estado de São Paulo, João Doria, teria fechado um acordo com uma empresa da China para a fabricação de uma vacina contra o coronavírus ainda em 2019.

Confira a análise do vídeo que afirma que enxofre traz a cura para o coronavírus

Assim, segundo a mensagem, Doria já sabia da pandemia meses antes dela se alastrar pelo mundo, e mesmo assim teria autorizado a realização do carnaval na capital.

O post diz assim: “Doria assinou um contrato de desenvolvimento da vacina para Covid, com a Sinovac, da China, e o Instituto Butantan. A vacina tem o nome de CoronaVac. O contrato foi assinado em agosto de 2019. Eu não entendi. Agosto do ano passado? Como? Coronavac? Na China, ano passado? Como?”

Segundo informou o G1, trata-se novamente de uma fake News, porque o coronavírus Covid-19 só foi identificado apenas em dezembro de 2019 e não teria como o governo de SP fechar uma parceria de vacina para um vírus que não existia.

Na verdade, os opositores do governador usaram a visita que o mesmo fez em Pequim com a finalidade de criar parcerias em diversas áreas da saúde para São Paulo, dizendo que já se tratava de algo contra o coronavírus.

Só agora, em junho de 2020, diante da pandemia, é que foi firmado acordo entre São Paulo, por meio do Instituto Butantan, e a farmacêutica chinesa Sinovac Biotech para a produção e testes em humanos de uma vacina contra o coronavírus. Está prevista a testagem em 9 mil voluntários no Brasil a partir do próximo mês.

Em nota, o Instituto Butantan esclarece: “Em nenhum momento o governador João Doria diz (no vídeo) que o acordo foi assinado em agosto de 2019. Sua fala remete à missão do governo do estado na China, realizada em agosto passado, e à inauguração de um escritório comercial em Xangai, com o objetivo justamente de fortalecer e ampliar as relações econômicas com o país asiático, por ele ser um grande parceiro do Brasil na área comercial”.

Fonte: G1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here